sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Cantor com 4 esposas vai parar na cadeia

Cover de Elvis Presley de Indaiatuba é acusado de manter segunda mulher e os 3 filhos em cárcere privado

Cristina Christiano
cristinamc@diariosp.com.br

Marcello Palhais/ Diário SP
Sandro tornou-se nacionalmente conhecido por viver na mesma casa com 4 mulheres 


Uma briga com a segunda de suas quatro esposas foi o estopim que levou o cantor Sandro Silva, de 34 anos, para a cadeia na noite de quarta-feira. A ex-professora de dança do ventre e sedução Ana Paula Carillo, de 39, ameaçou colocar um ponto-final no relacionamento, iniciado em 7 de julho de 2007. O marido, inconformado, tentou impedi-la de sair de casa, mas exagerou na dose. A polícia recebeu denúncia anônima e toda a família foi parar na Delegacia de Defesa da Mulher de Indaiatuba, a 103 quilômetros da capital, onde o artista acabou autuado em flagrante por cárcere privado, ameaça e lesão corporal.

Cover de Elvis Presley, Sandro tornou-se nacionalmente conhecido por viver na mesma casa com quatro mulheres: Alessandra Poltronieri, a Sandra, de 38 anos; Ana Paula Carillo; Wania Melo, 28; e Tainá Moreira dos Santos, 20. Todas usam aliança na mão esquerda e firmaram com ele em cartório contrato de união estável.

A família de Sandro sempre viveu em harmonia desde o primeiro casamento dele. Porém, nas últimas semanas, Ana Paula e o cantor começaram a se desentender e, segundo conhecidos do casal, ele a trancou em casa para que não tomasse nenhuma atitude precipitada. Para ela poder sair, o filho do casal, Héctor, de 2 anos, e os dois do primeiro casamento de Ana Paula, de 14 e 18 anos, eram obrigados a ficar lá, como uma espécie de “reféns”. A situação agravou-se ainda mais quando, em uma das discussões, Sandro teria agredido a mulher.

A Polícia Militar recebeu denúncia anônima e quando foi averiguar encontrou mãe e filhos trancados. O empresário de Sandro, Daniel Vieira, também acabou indiciado em inquérito por cárcere privado porque, segundo denúncia de Ana Paula, teria ajudado o cantor a impedi-la de ir embora.

As outras três esposas de Sandro foram ouvidas como testemunhas no inquérito instaurado pela delegada Ruth Daniel de Souza. O cantor foi removido para a cadeia pública de Campinas. Na casa dele foram apreendidos livros de magia negra e seis punhais.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não esqueça de assinar nossa newsletter para receber as promoções. Obrigado por comentar!

Blog parceiro do

Encontre as melhores marcas de acessórios para maquiagem e diversos modelos de tênis femininos no Paraíso Feminino.

Postagens populares